ATENÇÃO: o Hermes Pardini não entra em contato com seus clientes para oferecer entrega de resultados de exames mediante qualquer tipo de pagamento.

Vacina BCG: Indicação, Reação, Doses

Indicado para:

Vacinas para bebês

Vacinas para bebês

Vacina para crianças

Vacina para crianças

Vacina BCG

Registrada e aprovada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), a vacina BCG é a melhor forma de crianças garantirem proteção contra formas graves da tuberculose.

Apesar de ser uma doença antiga, os órgãos de saúde do país afirmam que a tuberculose continua sendo um problema de saúde pública que precisa ser monitorado e combatido por todos.

Além de proteger a população de uma doença altamente contagiosa, a vacina BCG evita que a tuberculose se agrave e evolua para problemas mais sérios como a meningite tuberculosa e a tuberculose miliar.

 

O que é e para que serve a vacina BCG?

vacina BCG (Bacilo Calmette-Guérin) é a vacina que protege crianças contra as formas graves de tuberculose. A sigla “BCG” vem de “Bacilo de Calmette & Guérin”, sobrenomes dos cientistas responsáveis pelo desenvolvimento da vacina em 1921.

Vale ressaltar que a tuberculose não afeta apenas os pulmões mas, também, ossos, rins e meninges (membranas que envolvem o cérebro).


 

Quem deve tomar a vacina BCG? 

A vacina BCG é conhecida como “a primeira vacina” porque deve ser aplicada em recém-nascidos preferencialmente em até 12 horas após o nascimento, mas ela também pode ser aplicada dentro do primeiro mês de vida do bebê. 

De qualquer forma, o ideal é que crianças até os 5 anos de idade recebam a dose da BCG. A vacina também é recomendada para pessoas de qualquer idade que sejam contatos de portadores de hanseníase.

Qual é a composição da BCG?

A vacina BCG é composta por Bacilos atenuados do Mycobacterium bovis.

 

Qual é a via de administração da vacina BCG?

A administração da vacina BCG é realizada por via intradérmica, no braço direito, inserção inferior do músculo deltóide.

 

Quantas doses da vacina BCG são recomendadas?

Dose única a partir do nascimento. Não se aplica uma segunda dose da vacina BCG, salvo em casos que sejam contatos de hanseníase.


 

Quais são as reações da vacina BCG?

As reações da vacina BCG são raras e variam muito, porém, há uma única reação típica e esperada, que é a formação de uma cicatriz no local da aplicação. Essa cicatriz pode levar até 6 meses para surgir completamente, sendo que o ciclo comum é:

Após 2 semanas da vacinação, a região onde aconteceu a aplicação apresenta pequena elevação avermelhada e dolorosa de 5 a 10 mm;

3-4 semanas, pequena bolha com pus, evoluindo à crosta;

4-5 semanas, úlcera de 4 a 10 mm de diâmetro;

6-12 semanas, cicatriz de 4 a 7 mm.

Em alguns casos as reações à vacina BCG evoluem mais lentamente e são mais brandas, podendo demorar até 6 meses para a formação da cicatriz vacinal.

O paciente também pode sentir febre, calafrios, mal-estar, dores musculares e aumento nos gânglios ou abscessos na pele e nas axilas. O enfartamento ganglionar axilar ou supraclavicular pode ocorrer e desaparecer espontaneamente após 1 a 3 meses. 


 

Existem contraindicações da vacina BCG?

A vacina BCG contra tuberculose é contraindicada nos seguintes casos:

  • Bebês com peso menor que 2 kg;
  • Lesão de pele no local de aplicação;
  • Vivendo com HIV (consultar equipe técnica);
  • Imunodepressão;
  • Tratamento com quimioterapia ou radioterapia;
  • Febre;
  • Gravidez; e
  • Uso de imunossupressores pela mãe durante a gravidez (consultar equipe técnica).

A vacina contra tuberculose pode ser aplicada simultaneamente a outras vacinas ou a qualquer intervalo entre elas e se tiver dúvidas entre em contato com o seu médico.


 

Qual o valor e onde aplicar a vacina BCG?

Você pode comprar a vacina BCG diretamente na nossa loja virtual, em uma de nossas unidades ou solicitar o atendimento móvel. Entre em contato conosco e tire suas dúvidas. 

 

Mais dúvidas sobre a vacina BCG
 

Como a vacina BCG tem sido adaptada ou melhorada ao longo dos anos?

A vacina é praticamente a mesma desde sua descoberta. O que melhorou foi o controle de qualidade.

Existem alternativas à vacina BCG para prevenção da tuberculose?

Não. Contactantes de casos bacilíferos podem se beneficiar do chamado tratamento de formas latentes, com antibióticos.

Como devo cuidar do local da aplicação após receber a vacina BCG?

O local não deve ser tampado e nenhuma substância deve ser aplicada.

Qual é a eficácia da vacina BCG em diferentes faixas etárias?

Tem cerca de 80% de eficácia para prevenir formas graves de tuberculose em menores de cinco anos de idade.

Quais medidas de precaução devem ser tomadas antes de receber a vacina BCG?

Não é necessária nenhuma medida especial. Antes da aplicação o profissional de saúde deverá verificar a existência de contraindicação.

Como a vacina BCG interage com outras vacinas administradas simultaneamente?

Não há interferência entre a BCG e as demais vacinas..

É necessário realizar algum exame ou teste antes de receber a vacina BCG?

Não. Um assunto polêmico é se deveríamos aguardar ou não o resultado do “Teste do Pezinho” para sua aplicação. O Ministério da Saúde, até o momento não recomenda aguardar.

Como posso relatar efeitos colaterais inesperados após a vacinação com a BCG?

Dirija-se imediatamente ao serviço onde foi feita a aplicação. No caso de aplicação em maternidades, dirija-se a um Centro de Saúde ou a seu pediatra.

Buscar por vacina